Menstruação da mulher

Ciclo menstrual da mulher

5 (100%) 1 vote
Menstruação da mulher

O ciclo menstrual inicia-se no primeiro dia da menstruação. Na sua primeira fase, ocorre uma produção exclusiva de estrogênio pelo ovário e, logo após a ovulação, tem início a fase de produção de progesterona, conhecida também como fase lútea. Esta fase do ciclo é fixa e a ovulação ocorre cerca de 14 dias antes do início da próxima menstruação.

O tempo de sobrevida do óvulo dentro das trompas, após a ovulação, não é bem definido, mas parece estar entre 12 e 24 horas. Já os espermatozoides parecem ter uma sobrevida maior, variando de 24 até 96 horas. Por isso os dias férteis começam antes mesmo da ovulação.

Ciclo ovárico

Até à puberdade existem no ovário estruturas constituídas pelo Ovócito I imaturo envolvido por células foliculares a que se dá o nome de “folículos primordiais”. Alguns destes folículos e de uma forma cíclica a partir da puberdade até à menopausa vão reiniciar o seu desenvolvimento. Cada ciclo ovárico vai ter as seguintes fases:

  • Fase folicular: alguns dos folículos primordiais reiniciam o seu desenvolvimento, mas, normalmente, apenas um o completa, degenerando os restantes. O folículo em desenvolvimento sofre várias transformações: O Oócito I que se encontra em Profase I vai completar o crescimento, ao mesmo tempo as células foliculares multiplicam-se e originam a Zona Granulosa, estas células são produtoras de hormonas (estrogénios) para além de nutrirem o Oócito I. Em torno do Oócito I, forma-se um revestimento glicoproteico a que se dá o nome de Zona Pelúcida. Com a evolução dos folículos forma-se uma cavidade cheia de líquido entre as células foliculares. Tendo terminado o crescimento o Oócito I em Profase I completa a divisão I da Meiose após a Citocinese desigual forma-se o Oócito II e o 1º Glóbulo Polar. O Oócito II ainda inicia a Divisão II da Meiose mas fica bloqueado na Metafase II. Por esta altura o folículo completou o desenvolvimento e denomina-se *Folículo Maduro ou folículo de Graaf: todo este processo demora em média 14 dias.
  • Ovulação: o oócito II em metáfase II rodeado pela zona pelúcida e por algumas células foliculares é libertado da cavidade folicular para fora do ovário, sendo recolhido pelo pavilhão da trompa de Falópio.
  • Fase luteínica: após a ovulação, cicatriza a parede do ovário e ocorre o pregueamento da parede do folículo. As células foliculares aumentam então de volume e secretam um pigmento amarelo, a luteína que lhes dá uma cor amarela, formando-se, deste modo, o “corpo amarelo” ou “corpo lúteo”. Caso não ocorra fecundação, essa estrutura se degenera em aproximadamente 14 dias.

Ciclo uterino

O endométrio, sendo a estrutura onde o embrião se deve fixar a fim de completar o seu desenvolvimento, é então uma estrutura que sofre importantes modificações. Ocorre então:

  • Fase menstrual: início da fase folicular do ciclo ovárico. Ocorre a descamação da maior parte do Endométrio, que como é um tecido muito vascularizado, vai apresentar algumas hemorragias por rompimento destes vasos sanguíneos. Sendo os fragmentos do Endométrio e algum sangue eliminados através da vagina para o exterior, originando o fluxo menstrual (chamado muitas vezes erroneamente de “sangue”).
  • Fase proliferativa: terminada a eliminação do tecido velho, as células do endométrio que restaram voltam a multiplicar-se, promovendo a sua regeneração.

Neste tecido em formação formam-se glândulas tubulares e restabelece-se a rede de vasos sanguíneos.

  • Fase secretora: a espessura do endométrio atinge um aumento tal que as suas glândulas vão terminar o desenvolvimento, tornando-se mais sinuosas e ramificadas, começando a segregar glicogénio e muco. Ficando o útero preparado para uma possível nidação. Caso tal não aconteça, reinicia-se o ciclo.

VEJA TAMBEM

Summary
Review Date
Reviewed Item
Ciclo menstrual da mulher
Author Rating
51star1star1star1star1star

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *